The Long and Winding Road

Às vezes, esqueço dos Beatles. Na semana passada, durante uma divertida reunião na cama com crianças, pipocas, refris e algumas discussões, resolvi recuperar uma velha fita de vídeo com o documentário de 5 horas que acompanhou o lançamento do Beatles Anthology. Este documentário, datado de meados dos anos 90, foi calando-nos um a um. Ficamos inteiramente concentrados nele. Eu, ouvinte quase exclusivo de música erudita; Claudia, que só quer saber de óperas ou música brasileira; Bernardo, meu filho, que está quase sempre ouvindo rock um pouco mais pesado e Bárbara, minha filha, que prefere música dançável e de diversão (ao estilo do B-52, por exemplo), assistimos a tudo fascinados. A explosão de juventude, alegria e criatividade representada por eles afeta qualquer um.

Abro o enorme livro The Beatles (da Revista Rolling Stone) que dei para o Bernardo e leio atentamente a introdução. Quem a escreve é Leonard Bernstein (1918-1990). Bernstein é uma figura única, pois além de ter sido respeitadíssimo regente de orquestra, foi pianista e um enorme compositor de música erudita. Como se não bastasse, escreveu musicais para a Broadway, sendo de sua autoria talvez o melhor deles, West Side Story, que recebeu no Brasil a impecável tradução Amor, Sublime Amor. Obviamente, é uma matéria paga, mas Bernstein era muito “inteiro” para colocar-se a serviço de algo que considerasse de segunda linha. Seu texto é apaixonado e demonstra algumas preferências curiosas. Diz que, em sua opinião, a melhor música do disco Revolver é She said, she said. Elogia também Eleanor Rigby (Revolver), Norwergian wood (Rubber Soul), Paperback writer (Single), She´s leaving home (Sgt. Pepper`s), Ticket to ride (Help) e quase todo o resto.

Também tenho as minhas. Considero obras primas While my guitar gently weeps, With a little help from my friends, For no one, In my life, I Will Follow the Sun, Helter skelter, Strawberry fields forever, The fool on the hill e mais cinqüenta outras.

Meu entusiasmo, portanto, é o mesmo. Os Beatles foram um grupo diferente. Normalmente os grupos abrigam apenas um bom compositor. Podemos tranqüilamente dizer que o Led Zeppelin representaria “A música de Jimmy Page”, enquanto o Oasis seria “A música de Noel Gallagher”, o Who “A música de Pete Townshend”, o último Pink Floyd “A música de Roger Waters”, etc. Já os Beatles têm três músicos que poderiam fundar grupos. E que músicos! A coincidência de John Lennon, Paul McCartney e George Harrison terem nascido quase ao mesmo tempo em Liverpool e se tornado amigos na adolescência é notável e, penso, matematicamente irrepetível. É como se – guardadas as proporções para maior ou para menor – Chico Buarque, Caetano Veloso e Guinga resolvessem trabalhar juntos desde a juventude, competindo e brigando dentro de um grupo. E, se acrescentarmos a isto a presença do produtor, arranjador e pianista George Martin desde as primeiras gravações, chegaremos à conclusão de que os caras tinham muita sorte mesmo. E, para nossa sorte, todo o resultado está minuciosamente documentado – som e imagens -, como mostra o filme Beatles Anthology.

9 comments / Add your comment below

  1. Milton, publiquei uma série de posts agora em janeiro, com os CDs que montei.
    eu reuni todas as músicas que os Beatles gravaram, mas em regravações de outros artistas.
    TODAS as músicas compostas/gravadas por eles tiveram regravações. que vão de Oasis, Deep Purple, Aretha Franklin, Rita Lee, Elvis Presley e Frank Sinatra.
    Acredito que sejam os únicos artistas a passar por isso.
    eu disponibilizei o material álbum por álbum. estou até aprimorando e deverei repostar esta série. curiosamente, nessa garimpagem, encontrei mais versões de Come Together do que de Yesterday.

  2. vamos lá, postei o Please Please Me aqui:
    http://serbon.blogspot.com/2008/01/beatles-4ever-parte-i-please-please-me.html

    a set list é essa… mas fiz algumas alterações e vou postar o outro CD. os arquivos tão zipados. este é o Please Please Me by Others:
    http://rapidshare.com/files/81180935/01_-_Please_Please_Me.zip.html

    1 – I SAW HER STANDING THERE – BUTCHERING THE BEATLES
    2 – MISERY – LOS RELEVOS
    3 – ANNA ( GO TO HIM ) – ARTHUR ALEXANDER
    4 – CHAINS – COOKIES
    5 – BOYS – SHIRELLES
    6 – JE SUIS FOU(ASK ME WHY)– LES LIONCEAUX
    7 – PLEASE PLEASE ME – MATT DUSK
    8 – LOVE ME DO – SANDY SHAW
    9 – P.S. I LOVE YOU – PETE BEST BAND
    10 – BABY IT´S YOU – SHIRELLES
    11 – DO YOU WANT TO KNOW A SECRET – BRANDY JONES
    12 – A TASTE OF HONEY – TEMPTATIONS
    13 – THERE´S A PLACE – TROUBLE CLEF
    14 – TWIST AND SHOUT – THE WHO

  3. Lembro-me de em criança assistir à série de TV do Bernstein, e de ele invocar, salvo erro, o Norwegian Wood a propósito dos modos em música. Uma pessoa adorável, acho que quem viu não vai esquecer. Penso que um compositor de música popular como ele, autor do genial West Side Story, nunca poderia menosprezar os Beatles. Cada um podia fazer a sua antologia dos Beatles. A minha teria mais Lennon, acho eu: assim sem pensar, Strawberry Fields, I Am The Walrus, Because, Tomorrow Never Knows, Hapiness Is a Warm Gun. Um grande compositor, tal como Jobim, Bernstein, Nick Drake, Carla Bley, Thelonious Monk, JS Bach. E Telemann, já me esquecia.

  4. Milton, anota aí mais 3 albuns da série

    http://rapidshare.com/files/81461352/02_-_With_the_Beatles.zip.html
    02 – WITH THE BEATLES
    1 – IT WON´T BELONG – EVAN RACHEL WOOD
    2 – ALL I´VE GOT TO DO – SMITHERENS
    3 – ALL MY LOVING – HELLOWEEN
    4 – DON´T BOTHER ME – ETHAN MYRSKY
    5 – LITTLE CHILD – SMITHREENS
    6 – QUANDO TE VI (TILL THERE WAS YOU) – BETO GUEDES
    7 – PLEASE MR POSTMAN – BACKBEAT
    8 – ROLL OVER BEETHOVEN – CHUCK BERRY
    9 – HOLD ME TIGHT -EVAN RACHEL WOOD
    10 – YOU REALLY GOT A HOLD ON ME – SMOKEY ROBINSON & THE MIRACLES
    11 – I WANNA BE YOUR MAN – ROLLING STONES
    12 – DEVIL IN HER HEART – DONAYS
    13 – NOT A SECOND TIME – ROBERT PALMER
    14 – MONEY ( THAT´S WHAT I WANT ) – BACKBEAT

    03 – A HARD DAY’S NIGHT

    http://rapidshare.com/files/81599474/03_-_A_Hard_Day_s_Night.zip

    1 – A HARD DAY´S NIGHT -RITA LEE
    2 – I SHOULD HAVE KNOWN BETTER -RENATO E SEUS BLUE CAPS
    3 – IF I FELL – LEE JACKSON
    4 – I´M HAPPY JUST TO DANCE WITH YOU – RENATO E SEUS BLUE CAPS
    5 – AND I LOVE HER – SANTO & JOHNNY
    6 – TELL ME WHY – BEACH BOYS
    7 – CAN´T BUY ME LOVE – JOHNNY RIVERS
    8 – ANY TIME AT ALL -DWEEZIL ZAPPA
    9 – I´LL CRY INSTEAD – CHET ATKINS
    10 – THINGS WE SAID TODAY – RICK WAKEMAN
    11 – WHEN I GET HOME – BEATLES 4 EVER
    12 – YOU CAN´T DO THAT – THE SUPREMES
    13 – I´LL BE BACK – CHILLOUT

  5. Sou daqueles que descobriu os Beatles logo após a separação do grupo, quando a coisa ainda estava, digamos, fresca.
    Gosto de tudo, mas me comovem principalmente as músicas do George. Até por ser ele quem foi, um gente fina.
    Mais recentemente, gostei muito do álbum “Love”, trilha do show do Cirque du Soleil. O filho do George Martin fez um ótimo serviço retrabalhando as músicas sem ferir a essência.

  6. Ando me relacionando mais com os Beatles ultimamente também, e sempre é como se fosse a primeira vez que ouço algumas músicas. Nenhuma outra banda consegue isso…

Deixe uma resposta