Dez conselhos aos homens recém separados

Espero que este não seja meu melhor post, mas certamente é o mais lido. Os homens me escrevem na fantasia desesperada de que eu tenha respostas. As respostas. A maioria descobre meu e-mail na internet — eu mesmo não sei bem como. Então, em particular, costumam contar longamente seus casos. São todos de gênese muito diferente e muito iguais nos sintomas. Quase sempre respondo. Na semana passada, tive uma interessante conversa com um psiquiatra desesperado com seu próprio caso e, pior, tendo que tratar diariamente pacientes com o mesmo gênero de problemas. Ele seguia mal e mal trabalhando, não dormia, perdia peso e às vezes esquecia-se de tomar banho. Passei por tudo isso.

A maioria dos casais é normal e se separa. Não sei o que acontece de errado com os que não se separam mas isto não interessa agora e, como a vida é mesmo repetitiva, cunhei um e-mail padrão avisando meus amigos que se encontram nesta situação. Trata-se de um texto quase impessoal, entre o sério e o cômico, que já enviei para uns quinze amigos COM FILHO(S) nos últimos seis anos e os comentários sempre foram… interessantes e bem diferentes um do outro.

Claro que fiz uma revisão no texto original para pôr no blog. Um e-mail é normalmente mais despudorado, seja em erros de português, seja em palavrões.

Então, o e-mail que envio tem mais ou menos o texto a seguir:

Ora, ora, mas aí tu me disseste que estás te separando…

Odeio — mesmo — as pessoas que vendem suas experiências bem ou mal sucedidas e complementam: “é assim que as coisas são, prepare-se!”. Parece que, se o vendedor de experiências se ralou, o mundo todo deverá inevitavelmente ir pelo mesmo caminho ou, se o vendedor se deu bem, todos os espertos que seguirem os itens vendidos chegarão à felicidade perene. Então, meus tópicos são gerais e quase impessoais. Se couberem, couberam.

1. As pessoas não se separam por pequenas diferenças. Pequenas diferenças são administráveis. As pessoas se separam por causa de abismos cavados através dos anos. Ele, o abismo, abre-se mui silenciosamente, mas, uma vez que começa a aparecer, é difícil preenchê-lo. Solução: nenhuma, claro. Meu amigo, isto aqui não é auto-ajuda. É mesmo dificílimo preenchê-lo. É muita terra.

2. Já formalizaste a separação na Justiça? Se não o fizeste, estás negociando tudo direto com a X? Cagada, na minha humilíssima opinião. Não faça nada sem uma mediação esclarecida. Formalize as coisas com um advogado do teu lado. Se a terapeuta familiar não trouxer a terra que falta em muitos caminhões e estiver apenas “organizando uma separação consensual e amigável”, dispense-a imediatamente ou falte às consultas, pois… Sabe o que vai acontecer? Eu sou a Verdade e A explico em detalhes: tu provavelmente vais dar tudo o que puder e o que não puder para a ex. Fiz isso; falo, pois, com experiência própria.

3. Por quê? Simples. Uma separação não é um domingo no parque, tu ficarás deprimidíssimo se já não estás, olhando apaixonadamente as rodas dos trens do metrô, fazendo planos suicidas. É normal. Tu vais querer morrer por deixar teus filhos, vais fazer tudo errado com toda a convicção, sairás despojado da relação, dizendo, heroico: “Não quero prejudicar meus filhos!”. Puro romantismo.

4. Os filhos normalmente ficam com a mãe, a não ser que eles optem, mas isso só depois dos 12 anos. Antes, só terás a guarda do teu filho se X morder a panturrilha do juiz na sessão. Se ela se apresentar normalmente, respondendo às perguntas com coerência, levará os garotos. Ou seja, os filhos ficarem com a mãe é meramente cultural e nada tem a ver com tua culpa.

5. Vocês tinham uma casa e agora têm duas. Financeiramente, uma separação é um péssimo negócio. Se ela ficar melhor do que estava antes, há algo de errado. Este “algo” crescerá, como veremos a seguir.

6. Tudo bem, no início tu dás tudo para X. Isto é somente uma forma rápida de te livrares do insuportável estresse pelo qual estás passando. Eu te compreendo. Só que, depois de um tempo, a depressão passa.

7. Depois de um ano, por exemplo, tu notas que a casa onde recebes teus filhos é uma bosta e fica mais bosta ainda se a comparares com a dela. Depois de um ano, tu não olhas mais para as rodas de ferro dos trens e passas a te interessar pelos peitos da vizinha, pelos quadris da colega e expandirás a observação que fizeste sobre tua casa para toda tua vida.

8. Ou seja, se não fizeres as coisas direitinho agora, mas agora mesmo, vocês vão brigar feio e vão para a Justiça no futuro, com provável derrota tua. Tô dizendo.

9. Muitos contatos com a ex fazem mal. Se tiveres que voltar com a X, haverá de acontecer com ou sem a tua presença ostensiva. Separação é separação, não é meia separação. Esqueça aquela bimbadinha. É um completo equívoco. Lembres que, quando entrar um terceiro ou terceira na história, vai dar merda. Ou tu achas que todos vão se amar? Acontece, mas é raro.

10. Mas, sabes de uma coisa? Acho que deverias ler, bem lidinho, tudo o que puderes. E deverias falar com teu advogado. E ainda visitar este interessante site, cheio de artigos úteis: Pai Legal. Se o conhecesse antes, minha vida seria ainda melhor.

Chegaste até aqui ou te irritaste achando teu caso muito diverso? Bem, se estás ainda lendo, obrigado pela paciência; se estiveres contrariado com minha intromissão, peço desculpas; se estiveres me odiando, vai tomar no cu. No último caso, ou seja, se explodires de raiva contra mim, avise-me antes — através de um torpedo, por favor (torpedo de celular, bem entendido) — , pois comprei um sismógrafo e tenho poucas chances de testá-lo.

— > Continua aqui.

Publicado em 3 de março de 2008

116 comments / Add your comment below

  1. Isso, sim, que é falar do ‘alto’ da experiência. E com propriedade. A gente sabe quase tudo aí, mas, como dizia Heiddegger, “só compreendemos quando fazemos parte do que nos é dito”. Suas palavras são preciosas, mas não quero precisar delas, cáspite!

  2. Olá Milton

    sou jornalista e estou procurando homens recém separados para um bate-papo sobre o tema, para a revista Marie Claire
    é o seu caso?
    conhece outros homens recem separados?

    se interessar, entre em contato comigo

    obrigada, rosane

    1. Me separei há 1 ano e pouco meses apos 22 anos de casado. vivenciei um caso polêmico. gostaria de relatar. hj não cvs com meus filhos, muito menos com ela…estamos na justiça…

  3. Olha Milton
    Acabei de me separar a minha ex não levou a melhor! Ganhei a guarda de meu filho de 10 anos, ela bem que quis me ferrar conta bancaria imovel veiculo etc, mas achou melhor na hora não fazer questão da guarda porque ela tinha certeza que seria guarda compartilhada e assim ficaria com mais tempo livre,até que minhas duas advogadas disseram que eu não fazia questão dos bens materiais e que eu queria a guarda exclusiva, minha ex não fez questão acho até que ela achou melhor ficaria muito mais tempo livre bom foi quando a juiza mandou a escrivã anotar que a guarda seria do pai eu claro, a juiza perguntou para a minha ex quanto ela ganhava para definir a pensão que ela teria que dar, muito burra ela falou háhá então eu vou ter que dar pensão? então eu quero a guarda para mim, Meu ela tomou uma fumada da juiza que vcs não tem noção a juiza falou enquanto a guarda estava com o pai sem pensão a senhora não fez questão agora que emvolveu dinheiro a senhora faz? final da historia estou graças a Deus com a guarda de meu filho e com ela sendo obrigada a dar pensão kakakakak!!! UM ABRAÇO>>

    1. Saudações.

      Atualmente estou enfrentando uma devastadora e traumática semparação.
      Dentro de um relacionamento de quase 9 anos, na qual gerou o fruto , nosso filho que hoje tem 5 anos de idade.
      Um dos motivos maiores da separação é o ciúmes que ela tinha, e a forma como ela tentava resolver os problemas, gritava muito com meu filho tbm.

      Tow me sentindo devastado, muito deprimido, pedindo a Deus que toda essa angústia passe.

      Sorte para nós!!

      1. olá amigo hj esma situação que vc amigo. Sou casado ha 6 com um filho de 5 , ela com ciumes compulsivo gritarias, esterias , ate agressoes fisicas e eu nao posso fazer nada, nem me defender si quer por conta dessa lei maria da penha. como foi seu desfecho ai amigo, deu certo sua separação como foi ???

        1. Eu tbm estou nessa ,gostaria de saber oq fazer ,se tiver alguém com vontade de dar conselhos , trocar informações pega meu número , é MT difícil 962410755

  4. Abismo cavado lentamente ao longo dos anos!!!!!!!!

    porque não percebi isso antes…

    Bons conselhos, e eu achando que eu era o unico descasado da face da terra

  5. gostei tembem gostaria de um conselho como suportar dudo isso? minha esposa esta me largando quer sair de casa lutei tanto por ela, fiz casa, comprei carro etc. graças a Deus financeiramente estou muito bem, e ela disse para mim que nâo me ama mais, sempre que converso com ela chora, ajudo ela em casa o que ela precisar de mim pode contar comigo , sei que nâo sou o homem perfeito passei tanta dificuldade junto com ela, e hoje ela quer jogar a toalha, só uma obs ela trabalha no mercado é caixa, trabalha das 13:30 as 23:45 eu trabalho horario normal das 08: 00 as 18:00 conto com sua opinião (meu e-mail adilsonvounessa@hotmail.com pode deixar seu recado obrigado

    1. Muito triste quem ama sofre não sei o que está passando na relação de vocês pode ser brigas não importa quem ama têm que cuidar depois que perde fica um pouco difícil ,mulher gosta de atenção,carinho ,compreensão se não deu certo dessa vez procure não repetir os mesmos erros no próximo relacionamento um abraço.

  6. Amigo, chorei e ri ao mesmo tempo com tudo o que li!!!! Obrigado. Atravesso a fase inicial onde o desespero, a vontade de morrer são implacáveis. Amo pra caralho minha mulher e estou prestes ao ato heróico de abdicar de mais do que posso!!
    Obrigado, pelo visto há vida depois do casamento….

    1. Amigo Jefferson.

      Voltei das férias hoje e cabo de ler teu comentário. Por favor, fala com teu advogado (se tiveres um) ou com teu melhor amigo e repense! Não vá pelo caminho do “ato heróico”. Até hoje, nove anos depois, sinto diariamente as consequências de uma MONUMENTAL cagada. Não vá por esse caminho.

      Abraço e boa sorte.

      1. Ah, e atualmente minha ex acha — passou a achar logo após a formalização — muito estranho quando reclamo. Parece que falo de algo que nunca aconteceu.

  7. Como diz um ditado popular: ‘Um espinho de experiência vale toda a selva de avisos’…
    Já havia concluído meu curso de direito quando meu irmão resolveu separar e dei a ele todas as dicas possíveis para não se ferrar, mas o desespero de se ver livre da situação e a consciência pesada de estar ‘deixando’ o filho fez com que não me ouvisse e pagasse bem caro, pois como um outro ditado popular já o disse bem: ‘se a mulher não serviu para esposa, será muito pior quando passar a ser ex.

    Abraço!

  8. Em vez de responder a esses caras chorões, devias responder aos emails de tuas amigas zelosas e dedicadas…

    Em vez do que diz o teu post, me ocorre a frase de uma amiga: Eles se separam e tem que dar 30% do que recebem, a gente dá tudo!

    Em vez de consolar os marmanjos, devias dar o telefone das amigas. Isso sim consola! tsc tsc tsc…

    1. Realmente Flavia, as mulheres sofrem mais, se dão mais, trabalham mais, e incomodam mais também
      .Sou da opinião que não podemos cobrar do ex a conta de ser mulher
      .O feminismo tá aí para igualar tudo
      .Somos mais frágeis mas muito mais fortes.
      Direitos sempre iguais.

      1. Ah, pra começar deveriam parar de chorar e botar a culpa nos homens. Depois dividir as contas e despesas. Depois querer igualdade no tempo de aposentadoria. Depois inventar alguma coisa que presta para a humanidade..porque até hoje, não vi nenhuma mulher fazer isso. Mulheres pró-ativas só existem dentro de shopping-centers ou em baladas com a cara cheia de cana. No resto, continuam dependendo dos homens. Fato.

  9. estou separado a mais ou menos 15 dias, estou sofrendo PRA CARALHO QUE SÓ UMA PORRA… as rodas dos carros são extremamente atraentes… Mas estou vivo!!! tentei voltar pedi perdão pelas “coisas terriveis que fiz”, pelas grosserias que disse, pelas ausencias. aí ela falou que estava apaixonada por outro… não era pq tínhamos cavado um abismo – falou que era totalmente platonico que era uma pessoa que se quer conhecia, mas que não era justo voltar pra mim sonhando com outro. QUER SABER? que se dane, espero que dê certo… não nego estou sofrendo e pela 1ª vez desde que casamos há 8 anos atraz sinto saudades dela. Assim não estou cuspindo para cima, mas hj a dor é menor começo a ver que a vida continua e que mesmo sem estar comigo minha filha vai ser pra sempre parte de mim…

    EU ESTOU LUTANDO E VOU VOU SOBREVIVER, NÃO QUERO PROVAR PRA ELA QUE VIVO SEM ELA, MAS EU VOU SOBREVIVER.

    Companheiros, é doloroso mas tem MUIIIITTTA vida depois do sofrimento devemos estar abertos às oportunidades que surgirão…

    Obrigado por ter lido neu desabafo até aki…

    IRLEANDRO@HOTMAIL.COM

    1. Caro amigo sempre fui uma marido presente companheiro,errei sim em ser bom demais em novembro deste ano minha ex pediu o divorcio disse que queria viver a vida,ser feliz e quem sabe no futuro voltavamos.Eu fiz de tudo mandei flores,chocolates,cartas livros,tudo em vão.Meu sogro sempre intrometeu em nossa vida.ela sempre corria pra casa dele em qualquer discussão,temos uam filha de 6 anos que amo demais e to sofrendo por amar minha filha e sinceramente ainda amo minha ex.Depois de 2 meses bem ruim comecei a me levantar pelo menos chorando não to mais,vamos dividir tudo.Hj em uma conversa com ela perguntei se tinha volta humilhando mais uma vez e ela disse que depois de eu ter quebrado alguns pratos e copos na hora do nervo sme ninguem em casa nao tem volta nao.Ela inclusive já alugou uma casa e eu estou na casa de minha mae.Fiz o que pude pra salvar este casamento nos ultimos 8 anos mas para ela eu nunca prestei por exigir carinho,e ajuda nos afazeres domesticos que seria de responsabilidade dela.FGicou assim depois de uma viagem que fez com a turma da faculdade.Aguardo ajuda por comentarios

      1. estou em uma situação idêntica a sua… minha mulher achou outro num curso de língua estrangeira on-line e se relacionaram a 1 mês via zap. ontem descobri tudo, ela apagava as mensagens, mas conseguir restaurar e pimba.. até chantilly no sexo oral rolou nas conversas… o cara é do mexico… saí de casa e deixei meus 2 filhos com ela… ela já pediu perdão, mas a mentira, a ocultação e a traição são demais para mim… não consigo perdoar. espero que tudo isso passe logo. estou fudido… em breve vou ver quanto a guarda e pensão dos guris. quanto tempo em média se leva para resolver isso?

        1. ALEX, BOA NOITE
          ME CHAMO ANTONIO
          ESPERO QUE ESTEJA BEM EM RELAÇÃO A TUDO ISSO QUE VC PASSOU.
          PARECE QUE ESTOU LENDO UM RELATO ESCRITO POR MIM MESMO.
          COMIGO ACONTECEU EXATAMENTE ASSIM, MAS ESTOU NA LUTA E ESPERO EM BREVE
          ESQUECER TUDO ISSO.

        2. Minha historia se parece com a sua só que não consegui visualizar as mensagens, como vc fez ? Queria ver se vc já superou isso meu contato 34996999289

      2. Nossa sou mulher e te digo uma coisa.agradeca a Deus por ter te livrado dessa vaca.Voce que fazia os afazeres da casa.a me poupe.no futuro vc vai è soltar foquetes

    2. Cara…a gente tem que parar de se achar uma merda, olhar em volta e ver que tem muitas outras opções! Faz como eu: http://Www.pof.com.br! Vai dar uma olhada na mulherada, se sentir paquerado, disputado…aumenta a auto-estima! Viver enquanto da tempo. Muita mulher sozinha. Foda-se a ex! Muitas depois se arrependem! VALORIZE-SE!!!!

  10. Estou vivendo uma situação muito parecida.
    Fui convidado a me retirar, tenho 2 filhos lindos de 2,10 meses e 10 meses.
    O fato é que tem sido muito difícil conviver com a situação longe deles e sabendo que ela já está em outra.

    Já se passaram 6 meses, mas parece que o poço ainda não tem fundo.
    Já me recomendararm psiquiatra, mas acredito que a cicatriz acontece com tempo, e o sofrimento é apenas um ingrediente nesta etapa da cicatrização.
    Pior a a baixa autoestima… parei de correr, e principalmente de acreditar em mim… isso eu tenho que recuperar.

    abs

  11. Dhexy, hj estou com 3 meses de separado… nesse tempo já estou bem melhor… o remédio que eu encontrei é doloroso mas tyem funcionado.
    eu netendi que TODA a dor que sentimos é pq estamos vinculados a uma vida que nao é mais nossa, já passou e ficamos remoendo o sentimento de perda…
    Tem de se desvincular… se afastar mesmo… inclusive dos filhos (sim amigo isso é doloroso, mas é verdade) precisamos de um tempo para nos encontarmos saber quem somos nessa nova realidade e só depois disso buscar um recomeço. Eu passe quase um mês sem ver minha filha (quase morri de saudades) mas na primeiro mês que ia vê-la todo dia eu quase morri de morte mesmo, pois sempre que eu a via ela dizia “papai não vá embora, quero ficar com o senhor” isso acabava comigo. não que eu esteja curado, mas vc começa a entender, que vc tem uma vida pra viver, vc começa a criar novos projetos e entender que vc não depende de outras pessoas para ser feliz…

    irmão espero que possamos chegar a ser felizes novamente. EU AINDA ESTOU VIVO, E VOU SOBREVIVER!

    SUCESSO A TODOS!

    1. Lendo alguns comentários,me emociono e até choro aqui. Como pode uma pessoa não dar valor para os tipo ” homens raros ” eu sou assim,e vejo que tem muitos assim também. Estou separado há duas semanas quase,e tenho uma filhinha de 3 anos,as poucas vezes que vou na minha ex casa,ela pede pra mim ficar,tenho voltade de me matar,fiz tudo pela minga ex mulher,muitas vezes estava certo,mais pedia desculpas. Amo muitooo ela é estou desesperado ainda

      1. Engraçado esses homens, tratam as mulheres como lixos ou empregadas e quando elas acordam e fala que não quer mais o casamento fudido, ficam revoltados. Nenhuma abandona um homem que a trate como uma rainha. Então parem de choramingar e vão aprender a ser homens, seus bostinhas.

        1. É Jojo esse não é meu caso, em 14 anos nunca traí minha esposa e ajudo em tudo e sou um ótimo pai, minha esposa sempre fria comigo e pra inteirar peguei ela conversando com outro pelo zap só que ela apagou antes de ver o conteúdo resultado disso estou a uma semana fora de casa não consigo mais confiar nela.

  12. Senhores:
    Há anos atrás, por ocasião da minha primeira separação, estava triste e acabrunhado quando meu vizinho me perguntou o que tinha havido. Quando falei da separação, logo perguntou se era a primeira. Surpreso respondi que sim. Então ele me tranquilizou. Disse que o melhor casamento era o 4º. Agora, estou em vias de testar a afirmativa. Se não for verdadeira, vou partir para o 5º e sucessivamente. Parece que a Liz Tailor chegou ao 7º.

    1. Grande dica! estaé minha segunda separação com grande alegria recebo a informação de que melhor é a quarta relação. obrigado, iremos até o vigésimo se poder!

  13. O homem virou escravo de ex-mulheres. Não existe receita? Assim como não existe freio para as exigências descabidas das mulheres. E a família delas? Passam a te odiar a partir do dia seguinte à separação. Isso é regra, não muda nunca. Não conheço um homem de bem que não tenha se ralado com esses acordos. Que não tenha sofrido chantagem por parte da ex em relação aos filhos. Não conheço um homem separado que aconselhe os outros a casarem, muito pelo contrário. Essa é a sina do homem. Continua a ser o provedor mesmo depois de separado, enquanto a ex de entrega a uma roleta-russa de experiencias e emoçoes (parcialmente financiada pelo otário). É uma ciência exata, não tem erro.

    1. Meu Deus Denis, voce vive num mundo de faz de conta, meu bem, Já viu as pesquisas? As mulheres representam o esteio financeiro em mais de 50 % dos lares brasileiros. Os homens comparecem, quando tanto, no caso de separações, com 30% dos seus salarios para os filhos e as mulheres com tudo o que possuem, seu tempo, sua vida. Aqui em casa, pelo menos é assim ….. Quem dera eu tivesse tido algum provedor … Nem quando era casada ….

  14. Quando eu digo que a monogamia é uma farsa estabelecida por essa malfadada moral judaico-cristã, onde o sentimento egoístico de posse é elevado a uma qualidade humana, dizem que eu ‘devo ter experimentado uma experiência traumática’.
    Para mim, ao menos, nunca foi.
    Não somos aves. Estas sim são inclinadas naturalmente à monogamia.
    Abraço.

    1. Cara, achava q só eu pensava assim…
      Acho q o problema dos relacionamentos é exatamente vender a propria liberdade, dizer, nunca mais vou gostar de ninguem alem de vc é uma farsa, e todos engolem por medo…

  15. Casei 5 vezes. As separações foram sempre traumáticas. Todavia, com o tempo, aprendi que até uma separação pode ser sadia. A seguir deixo um poema que trata de tal assunto. Espero que, sinceramente, de alguma maneira, sirva pra alguma coisa…

    DESPRESENÇA
    by Ramiro Conceição
    .
    .
    Não havia, entre eles,
    nenhum ardil canalha
    mas… chegara a hora!
    Aquela quando a alma se abotoa,
    quando a passagem foi comprada,
    a bagagem feita, e resta a última checagem,
    a última lágrima… à janela a ser fechada.
    Chegara a hora…
    dos lábios trapezistas saltarem no espanto,
    em piruetas, diante do olhar ao rés do chão.
    Chegara a hora de apagar a estrela
    porque não poderiam mais sabê-la.
    Chegara a hora… da despresença.

    — Boa sorte.
    — Boa viagem.

  16. Curioso esse ditado que alguém citou, “se a mulher não serviu para esposa, será muito pior quando passar a ser ex”. Já me separei algumas vezes, e em todas – todas – acho que nem passou pela cabeça de nenhum dos dois sacanear o outro, muito menos em coisas materiais (já bastavam a dores inevitáveis das perdas). Alguns desses casamentos não funcionaram muito, outros funcionaram por um bom tempo e depois se esgotaram, mas não se perdeu a dignidade. Reconheço que não consegui um casamento eterno, mas tampouco descobri que tinha dormido por anos com gente mau caráter. Será que não tem a ver com as pessoas que escolhemos?

    1. É isso mesmo, Rocco. O que importa é não perder a dignidade
      e principalmente a delicadeza… por difícil que possa parecer.
      .
      .
      GEOGRAFIA DO AMOR
      by Ramiro Conceição
      .
      .
      Na bacia hidrográfica do amor,
      oS rIoS sÃo AvEsSoS à ReAlidAdE:
      os grandes alimentam os pequenos
      que se tornam grandes… Alimentos.

  17. Senhores,

    O Mundo é grande e há muitas pessoas interessantíssimas nele. Não se mixem. Sigam aqueles sonhos esquecidos de outrora. Distraiam-se com aquelas paixões de antes e a vida seguirá.

    Abrass,

  18. Alguém já se lembrou do recado de uma das letras cantadas pelo Jamelão, sobre os recém-separados?
    – É melhor brigar juntos que chorar separados…

    Não sei se é verdade, se é melhor. Até porque já fiz 51 de casado e nunca chorei separado !!!

  19. Esse texto vai me ajudar muito, pois tive uma separação meio estranha de um relacionamento de 9 anos sendo 5 de casados e uma filha, minha esposa estava comigo desde os 16 anos dela , eu sempre vivi para minha família , as vezes fico me perguntando as pessoas hj em dia não dão o mínimo valor a uma família, sei que essa agonia vai passar mais toda hora que minha filha fala pq nos não voltamos a ser como antes , uma família acaba comigo.

  20. Olá mundo meu nome é graça, eu quero testemunhar o grande Okojie coisa dr fez por mim eu nunca ensinou que eu poderia obter o meu amor de volta depois de mim vivendo bons 4 anos, eu estava navegando na net quando vi uma mulher testemunhou sobre como ela foi ajudado por Okojie dr, no começo eu olhei para ele como o que eu tenha visto antes, porque eu tenho contato com muitos feitiço atende on-line que fez acabar com o meu dinheiro, então eu estava convencido de não entrar em contato mais. lo nos próximos 2 dias eu estava assistindo televisão quando vi um homem chamado Harry estava dando testemunho na televisão sobre a forma como este mesmo Okojie dr ajudou-o, por isso, quando eu vi isso, então eu não tenho nada a duvidar de novo imediatamente entrei em contato com ele e eu disse a ele como meu amante me deixou por boa 4 anos, então ele me disse para não se preocupar que meu amor vai voltar para mim na próxima semana, e ele me tudo o que precisamos fazer imediatamente disse que eu não duvidar dele em tudo, porque i ter visto a evidência de que este homem é tão grande, que era como eu tinha que esperar até a hora que ele me disse, de imediato a uma semana ficou completa eu tinha uma chamada de um número estranho um primeiro i negligenciado a chamada porque eu don ‘t como pegar números estranhos, a próxima coisa que eu podia ver novamente foi uma mensagem de texto a partir do mesmo número, então eu tive que lê-lo quando eu abri-lo eu não podia acreditar no que estava vendo, o texto era do meu amor que deixou Minha 4 anos ele estava dizendo que ele está arrependido que eu deveria tentar e escolher a sua chamada era assim que ele ligou de novo, então eu pegar, ele estava chorando no telefone implorando-me que eu deveria perdoá-lo de que agora ele está pronto para ficar comigo para sempre que ele é muito triste para o que ele fez para me.I foi tão surpreso e eu estava sem palavras, então eu disse a ele que eu o perdoei, era assim que ele veio à minha casa nos próximos três horas do momento ele me viu, ele caiu de joelhos, ele estava suplicando novamente eles eu disse a ele está bem, foi assim que eu tenho o meu amante de volta ea parte mais surpreendente foi que ele me deu acesso a sua conta bancária e agora ele me comprou um novo Toyota Camry (carro) e estamos planejando para o nosso casamento estou feliz agora e ambos estão felizes agora eu agradeço Egbo dr por toda a sua ajuda e peço a Deus para mantê-lo vivo para que assim sempre está em ruptura do coração devem ser ajudados como i foi helped.if você quiser entrar em contato com ele para trazer de volta a felicidade em sua vida como ele tem feito meus que você pode contatá-lo através de drokojiehealinghome@gmail.com

  21. Estou Teddy pelo nome. Saudações a todo aquele que está a ler este testemunho. Tenho sido rejeitado por meu marido depois de três (3) anos de casamento só porque outra mulher tinha um feitiço sobre ele e ele me eo garoto deixou a sofrer. um dia, quando eu estava lendo através da web, eu vi um post sobre como isso caster feitiço sobre este endereço de e-mail drigbodospiritualtemple@gmail.com
     , Tem ajudar uma mulher para receber de volta seu marido e eu dei-lhe uma resposta para o endereço dele e ele me disse que uma mulher tinha um feitiço sobre o meu marido e ele me disse que ele vai me ajudar e após 2 dias que eu vou ter o meu marido de volta. Acreditei nele, porque eu não tenho outra escolha e hoje eu estou contente de deixar que todos sabem que este lançador de magias têm o poder de trazer os amantes de volta. porque eu sou agora feliz com meu marido. Graças a Dr.ADODO. Seu e-mail: drigbodospiritualtemple@gmail.com

  22. Cara li isso e me impressionou, muito parece a historia de minha vida, muito bom nunca vi um site como seu, adorei o que li e isso mesmo sem tirar nem por. Estou a três anos de uma separação e partindo para quatro, tudo o que relatou e verdade.

  23. Dane-se não sou homem mas li assim mesmo…optei pela separação depois de descobrir traição, me acho uma mulher bonita ele não tinha esse direito. O que é meu de meu! Não abrirei mão de nada pra ele.

    1. Olá, tudo bem?!
      O fato de vc ser bonita não impedirá o marido de trir ou não.
      Admiriamos a beleza, sim!!!! mas muitas vezes queremos que com ela, venha junto a PAZ que todo ser humano desejaria ter.
      Afinal, em qualquer lugar existem pessoas mais bonitas que as outras, beleza é somente um “convite”, a boa convivência é o que determina.

  24. Milton, show o teu comentário, só de ler já me identifico com a maioria das passagens. No meu caso não houve filhos; essa das rodas do trem foi demais mesmo. Ainda estou deprimido, mas está passando pois fazem ainda 4 meses e lendo este artigo é que vemos não somos os únicos claro e depois de um ano já foi, vou voltar a olhar pros peitinhos das amigas. O diferencial nos teus comentários é que fazem a gente pensar de forma madura no fato e tirar onda conosco mesmos e até rir da situação. Valeu mesmo

    1. Infelizmente, todas as separações são parecidas e absolutamente terríveis. Mas eu garanto que passa. Tente agir com o auxílio de alguém — teu lado da família, advogado, até psicólogos — , pois é muito difícil pensar no meio do vendaval.

      Boa sorte.
      MR

  25. Cara, o texto é excelente… meu caso é complicado… Sou casado a 9 anos, tenho um filho de 7 e minha relação com minha esposa estava muito desgastada (um abismo), acabei me interessando por outra mulher, mas me sentia muito culpado por trair minha esposa. Num certo momento minha esposa me contou que estava grávida, justo no pior momento da relação. Então hoje, ela grávida de 4 meses, contei que quero me divorciar. Ela até aceitou, mas estou me sentindo um m**da… Tô perdido…

    1. Quem sabe essa com quem você traiu sua esposa te de o troco, volte e nos conte!
      E mulheres, deixem ver os filhos, separem de boa, quer ver sofrerem mais é vocês fazerem isso. Já que fizeram nós sofrermos o relacionamento todo, façam isso! Dêem o troco separando de boa, vai ser um pisão pra eles. Não é pq é mãe q tá morta ?

  26. Boa tarde eu me separei e minha ex quer pensão
    eu estou d acordo dar pensar pro meu filho mais agora ela quer pensão pra ela tbm o q eu faço
    não tenho dinheiro pra isso

  27. Em geral é mais difícil para quem sacrificou muitas coisas pelo outro, morava no meu país, trabalho bem pago, sucedido, e depois de muitas insistência da parte dela e do fato de nos ser casados (tinha perdido meu pai tbm na epoca, o que me deixou perdido), aceitei vir morar no brasil. A minha familia, meus amigos, conhecidos, ate meu ex patrao, me avisaram “nao vai, vai se fuder la, tem tudo aqui”.
    Me mudei por amor, so que chegando la eu tive que morar 7 meses na casa da sogra, tava um inferno, não tinha intimidade, e a minha mulher nao queria sair de la de jeito nenhum, so quando iria comprar o apartamento dela. Falei para ela que não da certo assim e fui embora pro meu pais, me formei durante 9 meses, ela me visitava e eu visitava ela, e depois disso voltei para o brasil, ela tinha mudado da casa da mãe, pro barracão de trás a 20 metros, ficou o mesmo inferno, a sogra se intrometendo em tudo, ela era legal, mas nao sabia ficar no lugar dela, nao tinha entendido que a filha tinha casada e que agora estava ligado ao seu marido, mas a filha tbm, tudo dia quando chegava do trabalho iria falar com a mae antes de mim, desabafar seu dia de trabalho com ela.
    Acabou desgastando ate que ela quis separar, fiquei em depressao tinha perdido 10 kg e ainda continua vivendo com ela, me colocando para baixo o tempo tudo, me perguntava quando que iria embora e deixar ela em paz.
    Fiquei 6 meses assim bem perdido.
    A sorte fez que meu ex patrao me chamou para uma missao de 6 meses no meu antigo emprego, ela me falou que tenho que ir, entao fui.
    Voltei a trabalhar, a confianca voltou, comecia a me sentir bem, comecei a passar na fase de odio, e meu patrao querendo que eu ficasse, iria buscar as minhas pertencias na casa dela, so que uma semana antes de ir, conversando, aprendi que eramos ainda um casal e que ela me amava, feliz e burro cai nessa, voltamos mas ainda tinha muita raiva de tudo que tinha me falado, de ter me maltratado.
    Dessa volta engravidou, so que nao conseguia ser feliz (ja o dia que me anunciou essa novidade parecia que tinha tido um morto na familia dela de tanta tristeza, alegou que era porque tomava medicamentos e que podia atrapalhar a gravidez, respondi que era so parar), nao consegui ser o parceiro que devia ser na gravidez, pois tinhamos voltado sem ter uma conversa franca, pois tinha duvida de ela me amar de verdade e nao conseguia controlar a raiva que tinha dela, ate falava para ela de nao reparar, que vai passar, o filho nasceu ela nao me deixava fazer o meu papel de pai, trocar fraldas essas coisas, criticava tudo que fazia, ficou infernal e ela pediu divorcio o bebe tinha apenas 3 meses (falou que continuamos juntos mas que como queria comprar o apartamento dela tinha de divorciar por motivos administrativos) ate que viajei por perto da minha familia, me achava um pessimo pai. Voltei depois de 4 meses (que perdi com meu filho) ela queria voltar, nao me amava, era obvio mas queria voltar pelo filho, no inicio recusei, fiquei pensando e reabri meu coracao para ela por causa do filho e que meu sonho ha muito tempo era passar a minha vida com a mulher com qual eu criaria minha familia, so que ela mudou e nao queria mais e me mandou cagar de novo.
    Separamos, ficava mandando mesnagens para me inusltar, me criticar, me colocando para baixo, dizendo que fico por ela e que nao gosto do meu filho fiquei morando 8 meses so, vendo meu filho, mas sempre enchava o saco, tuda hora mandando mensagens ver se cuidava do filho direto, quando ele machucava era um inferno me insultava dizia que so queria infernizar a vida dela.
    Ela ultrapassou os limites o dia que tenho perfil de quem pode machucar o filho para se vingar ou se matar com ele, e decidi ir embora final de ano e voltar no meu pais. Na hora de ir, fiquei com medo de nao ver mais o meu filho e resolvemos de um comum acordo de eu ficar na casa dela por 6 meses para que o meu filho possa conhecer o pai dele, entao agora to nessa. Nao conseguimos nos entender, nao brigamos ficamos em paz pelo filho, mas nenhum esta feliz, como é muito narcisista, acha que é ela que quero que nao tenho interesse por meu filho, nao para de me lembrar tudo dia que sou inutil que nao trabalho, essa vida e um inferno, mas ficar longe do meu filho é uma tortura ja que ele entrou para creche, se eu fosse ficar vivendo aqui so, nem teria mais possibilidade de ve lo, trabalhando.

    As vezes somos burros e sacrificamos muita coisa para dar certo, abrimos mao de muita coisa, pensando que o outro vai dar um minimo de valor, e ao final, é o contrario que acontece. Sempre sonhou em comprar o apartamento dela, queria o filho dela. Quando a conheci ela era estudante, nao tinha nada, eu ja era resolvido, bom emprego, e agora ela é resolvida, tem o filho dela o apartamento dela e eu não tenho mais nada, nem emprego, nem filho se vou embora, num pais onde não tenho família, onde a vida não é nada fácil, consigo me manter com economias que investi,
    agora é difícil confiar em outras mulheres. Hoje em dia é muito vingativa, olhe o meu apartamento consegui meu sonho, tenho um filho lindo, e tal e tal e tal, nao tem nem respeito por mim, e me diga que eu fui egoista por ter deixado ela e ter ido para franca, é uma loucura, ela tem um problema mental, tenho que seguir em frente e vou ter de deixar meu unico filho para tras. Nao trai ela nem uma vez, sempre ficava com ela. Logo que divorciamos queria vender a alianca por 100 reais, deixando pensar que na verdade nunca na vida dela é triste.

  28. Muito bom poder ver que não estamos sozinhos nessa.
    Estou no início do processo de separação com minha mulher depois de 14 anos de relacionamento e 3 filhos.
    Já tinha tentado a separação alguns anos antes, mas ela usou as crianças contra mim (golpe baixo), fez promessas de mudar e eu voltei atrás.
    Mas não adiantou, pois o amor já tinha acabado. É mulheres, homem também ama e se desencanta quando não somos tratados bem.
    Agora é definitivo. Tenho minha parcela de culpa, não nego, mas se trata de uma parcela apenas, não vou carregar o fardo sozinho de ter “destruído” o lar.
    A gente só se dá conta da burrada de continuar uma relação disfuncional depois que encontra alguém que te trata como deveria. Aí você começa a se questionar porque se contenta com migalhas. E então tem de encontrar forças pra tomar a decisão.
    Então vai a dica: se está na dúvida se separa ou não, separe. Aí você vai ter tempo pra pensar e uma vida nova para poder comparar. Veja se está melhor ou não do que quando era casado.
    Somos fortes e superamos. Os filhos também. Vão sofrer no processo, mas não é o fim do mundo. É só ver quantas crianças filhas de pais separados que tem por aí e estão bem. O sofrimento da separação passa.
    O que não passa é o sofrimento de uma relação torta, desigual, sem amor e sem respeito.

  29. Olá, vi todos comentários e decidi expor um pouco da minha história.
    Conheci minha ex mulher com 16 anos, fiquei com ela ate os 22 e nos separamos,nesse tempo com ela tive meu filho, que é a coisa mais preciosa desse mundo para mim,Em casa, ela nao precisava trabalhar, e eu sempre deixava claro isso, sempre pagava tudo, aluguel, comida, lazer, móveis etc,/
    tratava ela como uma princesa,mas nos ultimos meses ela acordava de cara feia, com raiva de tudo, isso foi após o meu filho nascer, ate que chego o ponto em que nao aguentei mais e decidir romper, pois ja nao bastava todo amor e carinho pra ela. após 2 semanas de rompimento ela foi embora com meu filho que tinha apenas 7 meses, eu nao tenho palavras para expor os sentimentos que senti e sinto ate hoje, minha vida acabou, nao tenho dinheiro para visitar meu filho toda semana, e só vou uma vez por mes, pois ela foi morar a 700km de mim, ja fui pra cidade dela e ela nao deixou eu ver meu filho, sempre dificulta ao maximo a aproximação minha com o meu maior amor que e meu filho,e quando consigo, ela me trata extremamente mal, nao deixa eu ficar sozinho com meu filho, acordo todo dia pensando em morrer, pois minha vida perdeu o sentido,no meu coração é só raiva, nao tenho mais animo pra trabalhar, des de que nos separamos nao saio da casa dos meus pais, minha vida acabou com 23 anos, peço aos jovens que ler meu comentario, tenham cuidado com certos tipos de mulher, pois no inicio é tudo lindo e maravilhoso, voce só irá conhecer sua mulher de verdade após a separação, peguei um advogado quando ela foi embora pedindo para o mesmo entrar com alienação parental, o mesmo me enrolou e entrou com ação de busca. oque nao leva a nada, perdi o resto do meu dinheiro nisso e nao deu em nada, pois a justiça brasileira só favorece as mulheres, os homens de bem que se lasquem, eu espero de coração que quem esteja sofrendo com o mesmo que eu fique bem, passei por muita coisa horrivel que nem consigo escrever aqui, hojê tenho depressão,fobia social,nao consigo nem falar no telefone mais.

  30. Ah, me esqueci de mencionar, o meu filho quando vou ver ele, ele fica extremamente feliz, vem correndo me abraçar, mas no momento da despedida,
    que ele fala, papai, por favor fica aqui comigo, nao vai embora, isso é de cortar o coração, só quem ja passou por isso sabe, é o extremo.

  31. Interessante. Eu estou no meu segundo casamento os dois com problemas parecidos, mesmo com homens tão diferentes. O homem perde o interesse sexual na mulher e não a procura mais ou tanto, fazendo a esposa se sentir só e não atraente, comum, e sem graça. Fazendo a mulher pensar que ela não é tão boa quanto às que ele olha na rua.
    No casamento atual, notando que é muito pior que o passado. Fiz questão que meu novo marido tivesse uma personalidade bem diferente do ex. Mais esforçado, mais confidente e trabalhador. Achando que se ele fosse assim, ele seria mais esforçado pra fazer o casamento mais bem sucedido, e de tudo pra fazer sua mulher feliz como esposa.
    Me enganei em muitas coisas… Meu marido atual é um grosso sem paciência e agressivo com suas palavras… faz questão de falar coisas pra me magoar, e buling… além disso tudo me rejeita sexualmente ao ponto de me empurrar quando procuro ele… às vezes acho que ele é doente da cabeça e narcisista. Que e assim pois assiste escondido filmes pornograficos. Agora temos um filho de um ano e penso todos os dias em largar ele (eu larguei uma mês depois de termos casado poor me agrediu phisicamente, e no dia seguinte descobri que estava grávida. Voltamos pois eu estava com medo de criar sozinha. Ele parece ser um ótimo pai, eu deixo ele se envolver em tudo, eu sacrifico meus dias que poderia sair pra fazer unha e cabelo, quando o marido está em casa, pra sairmos ou passarmos tempo juntos como família. Mais eu estou muito triste e choro todos os dias sozinha… Meu marido discretamente olha pra outras mulheres na rua quando estamos juntos, e eu sou transparente pra ele. Eu sou magra, bonita de rosto, me visto e ajo elegantemente … em casa eu cozinho, limpo e cuido muito bem do nosso filho…sempre fazendo atividades educacionais pro Meu amor, filho… ele me trata com mais educação agora mas não como um homen que tem atração por sua esposa. Ele dorme 3-6 dias em seu barco sozinho e volta pra casa de manhã só e já sai pra trabalhar. (Vai assistir vídeos e fumar). Acho que não tem ninguém em seu braço com ele, mas não tenho certeza absoluta. O barco fica em nossa marina. Enfim… tenho certeza absoluta que se eu o largar ele vai ficar como vocês. Ele vai ficar destruído e depois se levantará. Vamos todos sofrer muito com isso. Mas e agora, eu me sacrifico sozinha e sofro só para que não traga mais tristeza pro meu filho, e marido?
    Triste né?! 🙁 Sou romântica, mas é stou decepcionada com a vida.

    1. Sei que já faz 02 anos Flávia e já deve ter se separado do seu marido. Mas vou escrever pois pode ajudar outras pessoas.
      Como homem estou do outro lado… Ou seja, a mulher me pediu o divorcio alegou que nossa casa está uma bagunça. Na verdade sempre reclamou e que nunca conseguiu fazer nada aqui. Detalher estamos nessa casa a 5 anos apenas. Antes de mudar reformei toda a casa, coloquei porcelanato em todos os comodos, compramos moveis planejados e etc… Mas ela ainda reclama porque deseja uma sacada envidraçada e quer trocar os pisos do banheiro e da cozinha… Moravamos em uma casa maior entao realmente tem muita coisa fora do lugar. Sugeri doar ou jogar fora… Não quer fazer isso quer tentar vender… Mas o que nao vende fica aqui só tumultuando as coisas… Mas em suma é isso… Diz que não tem forças de fazer nada na casa pq está bagunçada… Já contratei faxineira e o escambau… Mas ela mesmo faz a bagunça… E depois fica reclamando… É como se tivesse a necessidade de reclamar…
      Alega esse motivo, simples assim para terminar o casamento… Perguntei se tinha um amante e ela se sentiu ofendida… Só para esclarecer: Eu NÃO bebo, NÃO fumo, NÃO jogo futebol aos finais de semana, NÃO uso drogas.
      PELO CONTRÁRIO: Saio de manha para trabalhar e volto o mais rápido possivel. Se ela precisa ir ao médico ou nossa filha, normalmente atraso… Pra que ela vá ao médico ou ainda eu levo a criança… Final de semana fico em casa, sou um Pai super presente. Sempre que possível tento viajar para a praia ou lugares legais para descontrair. Levo ou levava elas ao Ibirapuera para andar de bike, ver o planetário. Eventos nos Shopping. E quer saber mais: Sempre ela teve um cartão de crédito para comprar o que quisesse…. Ela tem roupas com etiquetas no guarda roupa… Aí alguém diria: Poxa, então vc não dá atenção… Trabalho apenas 8 horas por dia de segunda a sexta… E durante a semana sempre me sacrifiquei indo dormir depois das 02h da manhã pra acompanhar o ritmo dela… Pois enquanto eu acordava as 08h00 pra trabalhar ela ficava dormindo até as 11h… Ou seja, muito mais disposição, mas mesmo assim eu estava lá, seja para assistir um filme, conversar ou fazer qualquer outra coisa….
      Mas infelizmente ainda não foi suficiente. Aí eu leio abaixo uma outra colega Nani (6 DE ABRIL DE 2018 ÀS 5:31.) Ela sim tinha um problema o marido era drogado e viciado…
      Agora se separar pq deseja bens materiais(sacada envidraçada, trocar piso da cozinha/wc que estão novos). Enquanto tava com dinheiro eu fazia… Mas com essa crise não tem como… Então a pessoa simplesmente abandona o barco…. Muitas das vezes as mulheres fantasiam coisas que não existem: Enquanto umas sofrem de verdade com um cara violento e drogado e realmente tem motivos. Outras se separam porque o marido aperta a pasta de dentes no meio do tubo e não no fim… Coisas bestas se desfaz uma família e depois acha que vai encontrar um príncipe… E dá nisso, o cara é pior que o anterior… Na verdade chega-se a conclusão que o anterior era o príncipe com seus defeitos humanos…
      E agora como a pessoa está no 2o. casamento com certeza não quer se separar novamente… Mas agora é falta de opção mesmo… Se já te agrediu, te humilha, te deixa em casa enquanto está no mar. Esse é o único caminho…Até pq se está a 6 dias no mar. Tenha uma certeza. Ele não está sozinho….
      Mas como disse um amigo meu:
      1-Se o cara é trabalhador, honesto e sem vícios não serve…Agora se é espancador, viciado e etc… A mulher luta por ele até as últimas forças.
      2-Se a mulher é dedicada, reconhece o esforço do marido está sempre ao seu lado não serve… O cara quer uma periguete que vai explorar e arrancar tudo dele.

      Ainda mais nessa onda de consumismo…
      Mas tenho uma boa notícia… : A relatos aqui no fórum que o 4o. casamento é o melhor… Então vida que segue…

      1. Então eu tbm queria entender essas mulheres, estou a 14 anos com minha esposa e sou bom marido, ajudo nas tarefas de casa, faço comida e levo pra ela, as vezes faço café da manhã e levo pra ela, pago as despesas da casa e sou um ótimo pai, me considero um homem bonito pq chamo atenção de outras mulheres. Ela sempre fria comigo até me rejeitar ela já rejeitou, saí de casa a uma semana pq descobri que ela estava conversando com outro homem pelo zap, me pediu mil perdões falou que só foi conversa mas apagou e não vi o conteúdo então depois disso minha cabeça virou um inferno, meu casamento já estava ruim aí ficou pior pq como vou confiar nela de novo. Estou sofrendo pq minha filha tem 3 anos e pede pra voltar para casa mas não sei o que faço…

  32. Tenho 31 anos de casado, trai muito tempo. Hoje 31 de agosto de 2017 minha esposa disse vai embora cara, precisamos viver, nas minhas idas e vindas até agora não sabia o que queria. Minha esposa e filha com 29 anos de idade mandam em mim. Hoje minha esposa disse vai embora cara, a vida segues. Gosto da minha filha de 29 anos, mas faz coisas contrra mim, meus enteados que são dois, uma me malha em tudo. Então, hoje disse para minha esposa que vou embora e que ela tenha seus direitos. Sou controlado por ambas na minha casa, vou deixar o apartamento e o veículo passei para o nome de minha filha, agi certo. Elas dizem que vão vander o veículo e vou deixar o apartamento. Que faço, mas estou decidido.

  33. Estou vivendo isso a um ano e a família dela montou a separação como? Depois de sairmos arasados do hospital com o nosso filho doente e psicologicamente sem estrutura para seguir nossaseu vidas, a família dela por causa do irmão que não gostava de min aproveitou da situação e montou um plano pra nós separar, encheu a cabeça dela falando mau de min com calúnias e ela com a cabeça fraca pelo motivo de ficar dentro do hospital por trinta dias com nosso doença grave. Ela passou a me tratar mau e eu princípio achei que era pelo e stress do hospital. Mas não já estava pondo em prática o plano malvado para nos separar 18 anos casados pessoa boa achava ingênua e companheira, tivemos uma pequena mais fazia parte do plano deles só que ela agia pela cabeça pq acreditava no que eles diziam. E ela saiu foi pra casa da mãe, a intenção era isso mesmo se para lá de sua casa do filho para que sentisse a falta dele e ele ficou morando comigo, mas a idéia era ele ficar comigo e ir lá pouco tempo fazendo ela sofrer e eu ser o culpado por morar comigo, mas ao mesmo tempo fazer a cabeça contra e cada dia voltava mais mudado e revoltado comigo até conseguiram até hoje estão fazendo me perseguindo e o meu filho com 17 anos mente e me manipula qdo eu não percebo. E é frio comigo. A família tem nome de gente de boa índole e algum poder econômico e eu nada ganho pouco e tive depressão e foi onde eles aproveitaram para me culpar e fazer meu filho até me umilhar. Estou nas mãos deles e minha esposa e meu filho com as mentes manipuladas pelo irmão que tem técnicas de igrejas para sugestionar a mente dos dois para me odiar. MANIPULADORES DE MENTE DEBILITADAS EXISTEM CUIDADO. E SE RIO PRIMEIRO ISO AM A PESSOAS DE QUEM PODE AJUDA-LÁ EU NÃO PODE FAZER NADA PORQUE NÃO SABIA QUE ESSAS EXISTEM E FUNCIONAVAM. ACREDITEM FOI ASSIM QUE ACONTECEU COM MINHA FAMÍLIA. ELA É MEU FIL O HOJE TEM RAIVA DE MIN E EU ARASADO FÍSICO E PISCOLOGO. E QUEREM ME FERRAR MAIS ME ACUSANDO DE ALIENAÇÃO PORQUE MEU FIL O SÓ VEM SE EU CHAMAR. VALE ISSO É ALIENAÇÃO MAS FIZERAM E ARMARAM EM CIMA DO MEU PRO BEM A DE DEPRESSÃO E ANSIEDADE PARA ME CULPAR .

  34. Também estou numa situação complicada. Sou casado há 9 anos. ..temos uma filha de 2 anos e meio. Prometo pra ela que ser o melhor pai do mundo quando nasceu. Ela é muito apegada à mim. Maos meu casamento sempre teve interferência da família dela no meio. Sempre querendo dar opiniões e ela cedendo à isso em vez de me apoiar. Amei muito ela e sempre fui dedicado. Porém meu amor se esgotou com tanta gente se intrometendo. Então de davi cheio resolvi experimentar um lance fora do casamento pra ver se era isso mesmo que queria. ..( não estou falando de sexo ) ..encontrei uma pessoa que tem as mesmas preferências que a minha. …parceira mesmo. Gosta de dançar e de fazer amigos. ..coisa que minha esposa não gosta. Cansei de carregar e se fardo nas costas. …Sempre fui atencioso com ela. ..porém não tenho nada de carinho em troca. Só fico com dor no coração pela minha filha. …qd olho nos olhos dela quase me dá um tréco. …o que eu faço. ? .? Estou desesperado. …

    1. Eu pensaria numa separação bem feita com a presença de um advogado que faça as coisas com justiça. Nada de se deixar dominar pela culpa. Divida tudo. Afinal, tens uma filha e teus momentos com ela terão de ser legais. Tu sempre serás pai dela — não esqueça –, é claro que te importas com ela e deves ser bom pai. Permaneça assim. Quanto à esposa atual… Olha ela e tu erraram, não há motivo para estender o sofrimento. É apenas minha opinião aqui de longe. Boa sorte.

      1. Concordo com você. ….mais confesso que só de pensar em ficar sem contato todos os dias com minha filhinha já está me matando aos poucos. …que situação. É isso que dá a gente querer ser bom demais pra esposas. Agradeço pela atenção e pela força. Agora é só tomar coragem e parar de pensar muito. .

          1. Bom ouvir palavras de conforto de alguém que já passou por isso. Sai um pouco desse sentimento de culpa para com minha filha. Vc está me ajudando muito. ..Obrigado

  35. Por aqui 18 anos de casado e ela disse que não me amava mais, mas que vou continuar sendo o homem da vida dela só que de outra forma. Foi embora faz um mês deixou a nossa casa, nosso filho de 14 e levou um dos carros e as roupas. Me manda mensagem perguntando como estou. É claro que estou sofrendo mas vou ter que arranjar forças pra tocar o barco e cuidar do nosso filho. Situação muito triste, choro todos os dias mas não tenho mais nada a fazer a não ser tentar sobreviver. Devo entrar com os papéis do divórcio em breve, ela vai ter que pagar pensão. Vou propor que a pensão seja descontado do valor da metade da casa que também é dela.

  36. Toda moeda tem 2 lados!
    Sou mulher, separada há 3 anos, 2 filhas e eu tomei a decisão e até hoje não consigo seguir minha vida!! Tínhamos uma vida financeira Boa e após nascimento nossa segunda filha ele começou ter comportamentos estranhos…resumindo ele perdeu controle nas drogas, a coisa desmoronou!, Foram quase 3 anos entre internações e até ele ficar bem novamente, ficava 24h acordada para garantir que ele não fizesse nenhuma besteira e tudo.isso cuidando de uma criança de 8 anos, tentando preseva la deste horror e nao presenciar este lado do seu pai e um bb para amamentar e cuidar… O que me fez seguir até ele ficar bem, não aceitar” aquele” como pai das minhas filhas, fiquei firme ao lado dele até sair do fim do poço, fiz tudo que pude e acho que até o que nem sabia que era capaz…Mesmo querendo manter a família não dava para seguir com essa traição, foram 17 anos juntos e não conseguia perdoa lo de esconder esse vício e nem me perdoar de não ter percebido e ter deixado chegar neste ponto! No início ele não queria dividir nada, no final dividimos tudo 50%, inclusive as despesas são divididas, acordo sem advogado. Nós conversamos e convivemos bem, não tem dia certo para visitas, ele é pai, nao visita! Eu não sai na vantagem, Boa parte do dinheiro foi ganho dele sim admito, porém trabalhei toda vida, me dediquei menos a carreira porque tive que cuidar da família para ele dedicar à estudos, viagens a trabalho! Em resumo: nenhum dinheiro paga ausência do pai das minhas filhas, a dor de ter sido traída pelas drogas e muito.menos da separação. Admiro as mulheres que seguem com tanta facilidade, porque a vida passa e precisamos virar a página! Com.certeza quem vê de fora e não sabe da história pode achar que eu raspe ele… mas julgar um lado é fácil… viver a situação é bem diferente!

  37. Tô separado a três meses, bloqueie ela no ZAP e Facebook,mas ela disse que quer manter contato,falo com ela no msm, será que ela ainda gosta de mim,mais ela só fala que não tem dinheiro..

  38. 3:40 da manhã, eu sem conseguir dormir porque a esposa falou que não tem volta mesmo. 12 anos de casado, outros 4 de namoro e 1 filha de 6 anos.
    Ela é quem não gostava de conversar, então depois de tanto tempo insistindo, com o tempo teve um pouco de afastamento, até que há 3 anos pediu o divórcio. Fiquei 3 meses ‘morando’ na sala, mas acabamos voltando, agora parecia que estávamos indo bem, mas pelo visto não.
    Só que desta vez não sei se tenho forças para lutar de novo, já que o afastamento é mútuo (pelo menos, nunca rolou traição). Mas cada vez que penso na minha filha, que desespero meu Deus. Socorro!! A vontade é ficar morando na sala por uns anos, separado e tudo, só para poder colocar ela prá dormir toda noite, estudar para as provas, ficar um pouco mais com ela. Pior que justo quando eu estava querendo tanto um segundo filho….

    Pelo menos quando vier aqui e ela pedir para eu ficar mais um pouco, a resposta vai ser fácil “Eu queria, mas a mamãe não deixa”.
    Ainda quero tentar ‘lutar’ mais, mas já vi que vai ser complicado… Minha solidariedade com os dos comentários mais antigos, que a esta altura devem ter conseguido superar um pouco deste trauma.

  39. Dei uma lida em alguns comentários.
    Sou divorciado faz uns 4 anos e meses. A ingrata da mãe de minha filha jogou sujo comigo durante e depois do casamentos. Mentiras para se sair como uma pobre coitada. Eu era um marido fiel, leal, batalhador e ainda fazia as coisas em casa. Passei umas dificuldades de trabalho e dinheiro e pronto, ela começou a estudar num curso caro com pessoas com dinheiro. Ai tivemos uma filha e logo depois peguei situações dela com outro homem, em seguida ela fez tudo de forma calculada. Pediu para sair de casa e passar um tempo na casa da mãe, dizendo que iria ficar tudo bem. Mas na verdade ela já tinha tramado tudo com a família dela. Ai O cara que sempre lutou por ela recebeu uma mensagem de texto dela dizendo que não se via mais comigo e uns meses depois me disse pessoalmente que nunca tinha me amado. Em seguida começou a fazer inferno para eu está com minha filha. Hoje minha filha de 6 anos já percebe que vejo pouco ela e cobra de mim e já diz pra mãe que me ver pouco. Isso corta o coração.
    Em resumo, homens não sejam bom demais para suas mulheres, isso dá merda. Se acabou tem um tempo de dor, mas levanta a cabeça e segue a vida sem ficar pensando no que aconteceu. Filhos são eternos, ame e cuide. Infelizmente vivemos no Brasil que é um país de merda, onde a justiça só dá guarita para mulher em relação a guarda e outras questões. Os homens que conseguem ou tem dinheiro para pagar bons advogados ou ficam anos aguardando uma guarda compartilhada sair. Acho que a única e melhor alternativa é entregar a Deus toda e qualquer situação e fazer o que pode pelos filhos. Infelizmente são poucas pessoas nesse mundo que dão realmente valor ao que se presta. A grande maioria dá valor ao ter e as conveniências que a outra pessoa pode proporcionar. Parem de chorar os que nada fizeram para está passando por tal dor. força a todos

  40. Camaradas, preciso desabafar e de conselhos. Meu casamento chegou ao fim. Minha esposa quer mesmo separar e já deixou isso bem claro. No início do ano ela esperava que eu procurasse uma conselheira afetiva para ver o que poderia ser salvo, mas eu não arranjei, pois, percebi que ela queria uma ajuda para acelerar a separação. Temos dois filhos pequenos: um casal.
    Ela arrumou uma advogada e até falou que eu poderia ir ver outro. Ela quer guarda compartilhada, coisa que concordamos. Entretanto, ao falar com um advogado, sugeri ao mesmo que quero, em caso de guarda compartilhada, que o lar de referência seja o meu. Isto se dá por eu ter muito mais disponibilidade de tempo para ficar com meus meninos. Eles estudam de tarde e eu passo a manhã com eles, vou para o trabalho alguns dias de tarde e apenas dois dias por semana trabalho à noite (sou professor). Moramos de aluguel. Eu ganho mais que ela. Sempre sustentei a casa e ela ajuda nas despesas com um pouco de relutância (pago aluguel, condomínio, luz, internet, gás, empregada, 60% da alimentação, plano de saúde e divido a mensalidade escolar). Minha esperança é que ao que ela fosse conversar com meu advogado, ela aceitasse os conselhos dele para que a gente tentasse manter o casamento. Essa semana descobri que ela já alugou um apartamento no mesmo bairro que moro. Ela mantém isso em segredo. O apartamento está vazio e creio que ela vá preenche-lo aos poucos. Enquanto isso está vivendo sob o mesmo teto que eu, com meus filhos e eu pagando as contas. Não sei o que fazer. Gostaria de conselhos para que eu não seja enganado e que no final ela fique com muitas vantagens. Queria saber que estratégias tomar. Me ajudem, amo meus filhos demais e não quero uma guerra, mas também não quero fazer papel de bobo bonzinho.

  41. Eu estou vivendo um momento muito difícil minha esposa mim deixou eu não sei oque fazer por que eu amo muito ela e penso em fazer várias coisas comigo até com ela eu já pensei em fazer gostaria de alguém que posso mim ajudar nesse problema que eu estou passando pode entrar em contato comigo pelo ZAP meu número é 81984896608

  42. Amigo, muita calma… Estou passando por algo parecido… Mas tenha prudência para não ferrar a sua vida… Depois tudo ficará bem. Não faça nada que possa te prejudicar.

Deixe uma resposta para alex Cancelar resposta