O Juramento de Hipócrates

Há muitas versões, mas esta é a utilizada atualmente. É a Formulação de Genebra, adotada pela Associação Médica Mundial, em 1983. Leia abaixo o Juramento, mas principalmente a frase em negrito:
simers

Prometo solenemente consagrar a minha vida ao serviço da Humanidade.

Darei aos meus Mestres o respeito e o reconhecimento que lhes são devidos.

Exercerei a minha arte com consciência e dignidade.

A Saúde do meu Doente será a minha primeira preocupação.

Mesmo após a morte do doente respeitarei os segredos que me tiver confiado.

Manterei por todos os meios ao meu alcance, a honra e as nobres tradições da profissão médica.

Os meus Colegas serão meus irmãos.

Não permitirei que considerações de religião, nacionalidade, raça, partido político, ou posição social se interponham entre o meu dever e o meu Doente.

Guardarei respeito absoluto pela Vida Humana desde o seu início, mesmo sob ameaça e não farei uso dos meus conhecimentos Médicos contra as leis da Humanidade.

Faço estas promessas solenemente, livremente e sob a minha honra.

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

4 ideias sobre “O Juramento de Hipócrates

  1. Se a imbecil da médica gaúcha (cacófato? onde?) que se recusou a atender uma criança cuja mãe é petista e o idiota do conselho regional dela acham que não tem nada de errado em negar atendimento a alguém por causa das convicções políticas de seus pais, sugiro uma reciprocidade obrigatória, ou seja: que todas as clínicas tenham a obrigação de oferecer médicos (e psicólogos também, pelamor) de diferentes ideologias – ou sem nenhuma -, praticantes de diversas religiões, mas também ateus (no caso dos psicólogos isso seria melhor ainda), com e sem preconceitos de gênero, cor, orientação sexual, idade, peso… pode ser meio complicado, mas vejam o lado bom: todo mundo vai ter atendimento, todo médico vai ter emprego e periga até termos que trazer mais alguns, tanto de Cuba quanto de outros lugares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *