Em 1988, Akira Kurosawa saudava Bergman por seus 70 anos

Compartilhe este texto:

kurosawatobergman

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *